• AMAB

Reforma do cemitério sob suspeita


Com curiosidade vejo que a concessionária RioPax propagandeia a construção de um cemitério vertical no São João Batista. Mas  o que a concessionária não explica, e possivelmente não cumpre, é se ela possui o competente licenciamento ambiental para promover cortes de taludes e desmatamento em área reflorestada com bioma da Mata Atlântica dentro da área da APA do Morro de S. João.


Outra curiosidade é que com as obras já em andamento não há placas de responsável técnico no portão do cemitério, como manda a legislação municipal e obriga o CREA-CONFEA. Com a palavra a prefeitura, dona da área cessionada, a concessionária e o MP-ERJ como fiscal da lei.


Por André Decourt

Leia a reportagem do jornal O Globo.

© AMAB 2018 Direitos reservados. Criação: Augusto Brito Design Studio

  • Facebook ícone social